São Bernardo, * *

COLÔNIA DE FÉRIAS

Sorocaba: Trabalhadores aprovam reajuste de 5% e garantem a Convenção Coletiva

Assembleia Geral desta quarta-feira, dia 17, aprovou, por unanimidade, o aumento real e as cláusulas sociais para 88,6% da categoria da base do SMetal

Por: Administrador - Publicação: 19/10/2018
Foto: Fogguinho/ SMetal

Foto: Fogguinho/ SMetal
Imprimir Enviar para um amigo Twitter A+ A-

Fonte: SMetal

Com a deliberação da assembleia, realizada na noite desta quarta-feira, dia 17, 88,6% da categoria está contemplada com reajuste de 5% e com as cláusulas sociais garantidas, que representa uma estimativa de 33.216 trabalhadores, de um universo de 37.474 metalúrgicos da base do SMetal.

 

Por unanimidade, os trabalhadores aprovaram reajuste salarial de 5%, com aumento real, e a renovação da Convenção Coletiva nas bancadas patronais do G2, G3, G8.2, G8.3, Sindratar e Sindicel.

Foram reprovadas as propostas do Grupo 10, Estamparia e Fundição, de apenas repor a inflação, de 3,64%, sem aumento real.

De acordo com o secretário-geral da Federação Estadual dos Metalúrgicos (FEM/CUT), Adilson Carpinha, este ano, mais do que nunca, está mais difícil negociar com os setores patronais por conta dos retrocessos, como a própria Reforma Trabalhista, que entrou em vigor, no ano passado.

“Mesmo assim, este ano, a luta por direitos da FEM/CUT, juntamente com a atuação do SMetal, conseguiu aumento real e a renovação das cláusulas sociais pré-existentes, agrupadas por temas, e atualizada em face da legislação”, destaca.

 

campanha, salarial, reajuste, proposta, grupo, Divulgação

Propostas aprovadas e reprovadas por grupo patronalDivulgação

O presidente do SMetal, Leandro Soares, lembra também que o Sindicato, só conseguiu lutar para essas conquistas “porque vivemos numa democracia, frágil, mas que nos permite reivindicar e pressionar, se preciso, para termos garantias. Por isso, mais do que nunca, nossa missão é defender a democracia no nosso país”, pontua.

 

A mobilização continua

“Foi uma grande vitória dos trabalhadores e das nossas entidades que batalharam para esse avanço. Precisamos continuar lutando, com a compreensão e o esforço de toda a categoria, para garantir que os trabalhadores do G10 e Fundição também sejam contemplados”, declarou o secretário-geral do SMetal, Silvio Ferreira.

 

toyota, reajuste, campanha, salarial,, Daniela Gaspari/Imprensa SMetal

Vitória: Os trabalhadores da montadora foram os primeiros a conquistarem o reajuste de 5%Daniela Gaspari/Imprensa SMetal

Acordo na Toyota também garante reposição da inflação e aumento real

 

Na segunda-feira, dia 15, o Sindicato dos Metalúrgicos conquistou o primeiro acordo coletivo da Campanha Salarial 2018, na montadora Toyota, em Sorocaba. Diferente dos demais setores metalúrgicos, as montadoras negociam apenas por fábrica, não em bancadas patronais.

A proposta, aprovada pelos trabalhadores da fábrica em assembleia realizada no período da tarde, na junção dos turnos, garantiu 1,31% de aumento real. Além da reposição inflação referente ao período da Campanha Salarial 2018, que foi de 3,64%; totalizando 5% de reajuste aos trabalhadores.  O acordo prevê também o aumento de 5% no vale compras, entre outras pautas de interesse dos metalúrgicos da montadora.

De acordo com o diretor do SMetal e membro do CSE da Toyota, Carlos Alberto Rodrigues da Silva, a negociação da Campanha Salarial 2018 na montadora foi exclusivamente focada na questão econômica. Na data-base anterior, o Sindicato e a Toyota assinaram Convenção Coletiva por dois anos - válida de 1º setembro de 2017 até 31 de agosto de 2019 - inclusive com a cláusula da salvaguarda, que inibe a aplicação da Reforma Trabalhista sem negociação com o Sindicato.

A planta da Toyota em Sorocaba produz os veículos modelos Etios e Yaris e tem 2.849 trabalhadores. O terceiro turno na montadora terá início na próxima semana, dia 22 de outubro

 

Agência de notícias da  FEM-CUT/SP
imprensa@fem.org.br

Jornalista responsável: Marina Selerges

Siga-nos: www.twitter.com/femcut
Facebook: www.facebook.com/fem.cutsp

 


Federação dos Sindicatos de Metalúrgicos da CUT/SP (FEM-CUT/SP)
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - São Bernardo do Campo-SP
CEP - 09726150
Contato + 55 11 4122-7714


Hoje: Visitantes / Acessos