São Bernardo, * *

COLÔNIA DE FÉRIAS

Produção do terceiro turno da Toyota inicia dia 22 de outubro

As 740 novas contratações já foram encerradas, faltando apenas a entrada dos últimos 100 trabalhadores no mês de setembro, já selecionados. Assembleia tratou também de assuntos relacionados à Campanha Salarial 2018

Por: Administrador - Publicação: 06/09/2018
A assembleia com os trabalhadores da Toyota para aprovação da antecipação do terceiro turno aconteceu na quarta-feira, dia 5, e foi liderada pelo SMetal. Foto: Foguinho/Imprensa SMetal

A assembleia com os trabalhadores da Toyota para aprovação da antecipação do terceiro turno aconteceu na quarta-feira, dia 5, e foi liderada pelo SMetal. Foto: Foguinho/Imprensa SMetal
Imprimir Enviar para um amigo Twitter A+ A-

Fonte: SMetal

A produção do terceiro turno da montadora Toyota do Brasil, em Sorocaba, será antecipada e começará a funcionar no próximo dia 22 de outubro, com aproximadamente 740 funcionários.

 

A mudança foi aprovada pelos trabalhadores da empresa na tarde de quarta-feira, dia 5, em assembleia realizada pelo Sindicato dos Metalúrgicos de Sorocaba e Região (SMetal) na porta da fábrica.

De acordo com representante Toyota, a data de início da produção, prevista inicialmente para 1º de novembro, foi antecipada pelo terceiro turno se tratar de algo novo para a montadora. “Para não começar em novembro já nessa operação, queremos iniciar um pouco antes para termos tempo hábil de realizar qualquer interferência ou ajuste”, explica Manoel Moreira Ferreira Junior, chefe do departamento de Recursos Humanos da empresa.

Segundo ele, as 740 novas contratações já estão praticamente concretizadas, faltando apenas a entrada dos últimos 100 trabalhadores no mês de setembro, que já foram selecionados.

O novo turno foi criado para viabilizar a produção do modelo Yaris na planta da montadora em Sorocaba. Além 740 novos postos de trabalho, 320 funcionários que estavam trabalhando sob regime de contrato por prazo determinado foram efetivados.

Campanha Salarial

Durante a assembleia, dirigentes do SMetal informaram ainda sobre o andamento da Campanha Salarial de 2018. Na data-base anterior, o Sindicato e a Toyota assinaram Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) por dois anos, inclusive com a cláusula da salvaguarda, que inibe a aplicação da Reforma Trabalhista.

“Neste ano, as negociações serão focadas nas cláusulas econômicas, mas sempre é importante fazermos a reflexão dos impactos que a Reforma Trabalhista e, mais recentemente, a autorização da terceirização irrestrita terão na vida da classe trabalhadora”, comenta o presidente do SMetal, Leandro Soares.

E alerta: “até quando o movimento sindical vai ter forças para combater todos esses enfrentamentos? Por isso, a participação e mobilização dos trabalhadores na luta contra os ataques aos direitos deve ser constante”.

O membro do CSE da Toyota, Carlos Alberto Rodrigues da Silva, informou que o Sindicato promoverá uma plenária com os trabalhadores no dia 22 de setembro para organizar as estratégias que serão utilizadas na mesa de negociação. “Praticamente todas as conquistas obtidas ao longo dos anos na empresa saíram de ideias do chão da fábrica. Mais uma vez, contamos com a participação e colaboração de todos em mais essa plenária”, disse.

A plenária sobre Campanha Salarial terá início às 11h, na sede o Sindicato dos Metalúrgicos em Sorocaba, que fica na rua Julio Hanser, 140, próximo à Rodoviária.

Agência de notícias da  FEM-CUT/SP
imprensa@fem.org.br

Jornalista responsável: Marina Selerges

Siga-nos: www.twitter.com/femcut
Facebook: www.facebook.com/fem.cutsp

 


Federação dos Sindicatos de Metalúrgicos da CUT/SP (FEM-CUT/SP)
Av. Antártico, 480 - Jardim do Mar - São Bernardo do Campo-SP
CEP - 09726150
Contato + 55 11 4122-7714


Hoje: Visitantes / Acessos